terça-feira, 1 de junho de 2010

PROJETO UMA PROSA SOBRE VERSOS - JORGE DE SOUZA ARAUJO



Jorge de Souza Araujo, um dos intelectuais mais admirados da literatura baiana contemporânea, é o escritor que vai abrilhantar o projeto Uma Prosa Sobre Versos, no dia 4 de junho. Transita com propriedade pela poesia, pela ficção e pelo ensaio, sendo que neste último gênero é um dos mais respeitados, tendo recebido prêmios importantes em vários estados do Brasil. O projeto Uma Prosa Sobre Versos vai explorar mais o poeta Jorge, qe vai receber homenagens de dois grupos de recitadores, o Grupo Concriz, da cidade de Maracás, e o Grupo Renascer, da cidade de Planaltino. O evento vai contar também com a presença do Coral Fascinação. O Grupo Concriz recitará poemas dos livros Os becos do homem e Auto do Descobrimento: o romanceiro de vagas descobertas. Já o Grupo Renascer vai apresentar poemas do livro Tear de aracnideos. Após o recital, Jorge de Souza Araujo será entrevistado por Edmar Vieira, coordenador do projeto, e responderá as perguntas do público. Uma noite de encanto, de poesia e de conhecimento. Imperdível!
JIVM

4 comentários:

GERALDO DOS SANTOS MATOS LIMA disse...

Meu caro José, tudo bem? Tentarei postar o Projeto Uma Prosa Sobre Versos n'O BULE amanhã. www.o-bule.blogspot.com

Um abração.
Geraldo Lima
baque-blogdogeraldolima.blogspot.com

Jaime Almeida da Cunha disse...

APESAR DE NÃO PODER ASSISTIR, FICO FELIZ DE SABER QUE EM CIDADES DO INTERIOR BAIANO SE REALIZAM PROJETOS TÃO IMPORTANTES PARA A NOSSA CULTURA.


OBRIGADO


JAIME CUNHA

Luis Guilherme disse...

Prezado, cumprimento-o pela iniciativa de ampliar os horizontes do povo de Maracás e vizinhança. Abraço, Luis Guilherme

Vauluizo Bezerra disse...

Caro José Inácio Vieira de Melo,
Tenho acompanhado a movimentação de voces na área da literatura, e parabenizo pelas ações, sabedor
de que tais coisas demandam muito trabalho, mas creia, os efeitos são vsíveis.

Sou artista visual e também tenho contribuído na área reflexiva através de textos, ensaios etc. Não por isso
me sinto homem de letras, mas minha amizade com poetas e escritores de modo geral, como o próprio
Aleilton Fonseca, Luís Antônio Cajazeira, Plínio de Aguiar, Marcos Ribeiro, Waldomiro Santana, Ildásio Tavares, pessoas
que tem me ajudado de maneiras variadas no meu amadurecimento como mediador ou analista nas artes visuias.

Sempre estive de algum modo ligado a poetas e escritores, fui amigo de Telmo Padilha - e um dos agregados
do CCPC, junto ao amigo, outrora pesquisador de rótulos de cachaça, eu, assistente - hoje Doutor Jorge de Souza Araújo;
indivíduo de perversão incontida, (me convenceu a subir num palco de teatro e estribuchar um Monólogo cujo avatar
mediador para tal façanha foi meio litro de cachaça ordinária). Tentamos, eu e Jorge, embebedar Grande Otelo e se não me falha a memória o pequeno Grande Otelo manteve a simplicidade e nós entramos na fase "macaco".
Mas, sem mais delongas , meu objetivo aqui e', pedir o obséquio de me passar o contato de Jorge Araújo, e-mail de preferencia.
Agradeço e estou à disposição para qualquer coisa que venha contribuir com o trabalho de voces.
Abração
Vauluizo Bezerra