sábado, 22 de maio de 2010

DAMÁRIO DACRUZ - GRAN FINALE


Foto: Ricardo Prado

GRAN FINALE


Avise aos amigos
que preparo o último verso

A vida
dura menos que um poema

E no alvorecer mais próximo
saio de cena.


DAMÁRIO DACRUZ
(27/07/1953 - 21/05/2010)

14 comentários:

Juliana Klose disse...

Damário, você estará sempre em nossos corações .Vá em paz meu amigo!!!!

Marcus Vinícius Rodrigues disse...

Bela foto, belo poema, bela homenagem de um belo poeta a outro.

cardan dantas disse...

DA CRUZ

TEUS VERSOS
PASSARAM POR MIM

ESTÃO POR AQUI

OLHE ELE ALI

NO OLHAR MAIS PROFUNDO

TEUS VERSOS EM NOS

EM MIM

VOA BEM TI VI

UM DIA QUEM SABE

TAO BEM

ESTAREMOS AI


cardan dantas

Georgio Rios disse...

Um vento que sopra indefinidamente, em se tratando de tempo.Uma bela poesia. Um poeta que deixa falta.

Ademario Ribeiro disse...

Cavaleiro de Fogo (Inácio) grato pela notícia que igrata maltrara o meu fôlego agora, que ingrata morte estanca meu silêncio e me desata a lágrima seca, um mal-estar dificil de decifrar...

Damário Dacruz se fez versos em nossas vidas - vidas pelas quais ele soube se inscrever com a sua calma, acolhida e alma bem amiga!

Realmente você Inácio está certo, ele embelezou este Planeta, decifrou, amou e se doou...

Fica uma saudade inquieta, uma paixão, um risco na eternidade!

Ademario Ribeiro

ricardo prado disse...

Dan...

Ô Dan,

jamais estarás sozinho.

Anônimo disse...

Jamais o esquecerei! Foi uma das pessoas mais simples e inteligentes que tive a honra de conhecer na cidade de Cachoeira!

RodrigoCalabar disse...

Fará muita falta!

Grande poeta, grande pessoa!!

Priscila de Freitas disse...

Em mim o vazio da sua ausência e a eternidade da sua palavra.

αlєαηdяσ Sєnnα disse...

Ficará marcado na minha Vida, pois foram dele os primeiros poemas que recitei no Grupo Concriz. :(

C' est la vie.

um dia nos encontraremos no andar de cima.

Ivana Karoline - Grupo Concriz disse...

Vá e transforme os céus em poesia...

Wilson Freire disse...

ÊITA, POETA!

posso tentar fazer um vídeo com o poema gran finale do poeta damário, com meu alunos de audiovisual? consigo autorização?
abs
wilson feire

Eunice Arruda disse...

Prezado José Inácio: fiquei comovida com o poema de DAMÁRIO DACRUZ. E com ele que agora começo a conhecer. Uma tristeza estranha como na ocasião da morte de Rodrigo de Souza Leão. Abraço de Eunice Arruda

IMAGINARIVM disse...

Uma homenagem a este grande poeta:

O POUSO DA PALAVRA

A voz do poeta calou-se,
Cachoeira silenciou.
O poeta já não canta mais o encanto do rio,
Que ao longo do tempo os seus olhos seduziu.

Mas corre a boca pequena, uma curiosa cantilena.
Sobre um fotógrafo que habitando a alma do poeta
Partilhava deste convívio nos cômodos do seu coração
E encantado pelos sonhos que o poeta aos ouvidos sussurrava
Ansiava em levá-los aos olhos de quem os enxergasse com emoção.

Desde então...
Mesmo antes que o poeta em "Gran finale" anunciasse sua partida,
Deixou o fotografo em Cachoeira uma janela do tempo.
Onde através do espelho d’alma
Pode-se hoje contemplar o Pouso da Palavra do poeta.

Autor: Juray de Castro

http://imaginarivm-imaginarivm.blogspot.com.br/search?q=o+pouso+da+palavra